AULAS DE LÍNGUA PORTUGUESA E LITERATURA: CONCEPÇÕES E ORIENTAÇÕES PARA UMA METODOLOGIA DE ENSINO INTEGRADORA

Daniela Maria SEGABINAZI, Josete Marinho de LUCENA

Resumo


A aula de língua portuguesa nas escolas do ensino básico apresenta-se dividida em aulas de gramática, de literatura, de produção textual e, muitas vezes, até de leitura de textos. Na contramão do que preveem concepções integradoras do ensino, quando recomendam que as diferentes disciplinas ou componentes curriculares devem realizar atividades e discussões que propiciem a interdisciplinaridade. É com o olhar voltado para o ensino de língua e, sobretudo, para a formação do professor de língua portuguesa que este artigo visa apresentar a experiência do trabalho realizada nos componentes curriculares Estágios Supervisionados VI (abordagens em leitura, produção textual e análise linguística) e VII (Literatura) do Departamento de Letras Clássicas e Vernáculas (DLCV) da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), analisando projetos de ensino que integram língua e literatura concomitantemente. Para a proposta desse trabalho são observados projetos e relatórios dos estágios Supervisionados VI e VII, realizados em escolas do ensino médio de João Pessoa, entre os anos 2013 e 2014. Utilizaremos os pressupostos teórico-metodológicos da Estética da recepção e das teorias sociointeracionistas da linguagem, bem como as perspectivas de projetos traçadas por Hernandez e Ventura (2006).     

PALAVRAS-CHAVE: Estágio Supervisionado. Ensino de Língua e Literatura. Projetos de ensino.


Texto completo:

PDF

Referências


BRASÍLIA. Secretaria de Educação Básica (2006). Orientações Curriculares para o Ensino Médio: Linguagens, Códigos e suas Tecnologias. Brasília: [s.n]. Disponível em:< http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/book_volume_01_internet.pdf>. Acesso em: 28 mar. 2016.

BRASILIA. Ministério da Educação (2000). Parâmetros Curriculares Nacionais Ensino Médio. Conhecimentos de língua portuguesa. Disponível em: . Acesso: 28 mar. 2016.

FILIPOUSKI, A.; MARCHI, D. (2010). A formação do leitor jovem: temas e gêneros da literatura. Porto Alegre: Edelbra, 2010.

FRANCELINO, P. A construção da competência leitora em aulas de língua portuguesa. In: PEREIRA, R. C. M. (Org.). Ações da linguagem: da formação continuada à sala de aula. Joao Pessoa: Universitária UFPB, 2010.

FONSECA, F. I. Da inseparabilidade entre o ensino da lingua e do ensino da literatura. Disponível em: file:///C:/Users/DanielaPC/Downloads/irenefonsecainsaperabilidade000083607.pdf Acesso em: 12 abril 2016.

GERALDI, J. W. Portos de passagem. 5. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2013.

HERNANDEZ, F.; VENTURA, M. A organização do currículo por projetos de trabalho: o conhecimento é um caleidoscópio. Porto Alegre: Artmed, 1998.

LEITE, L. (2001). Gramática e literatura: desencontros e esperanças. In: GERALDI, J. W. (Org.). O texto na sala de aula. São Paulo: Ática, 2001.

MÜGGE, E.; SARAIVA, J. et al. Literatura na escola: propostas para o ensino fundamental. Porto Alegre: Artmed, 2006.

OSAKABE, H. Ensino de gramática e ensino de literatura. In: GERALDI, J. W. (Org.). O texto na sala de aula. São Paulo: Ática, 2001. p. 26-31.

PIMENTA, S. G.; LIMA, M. S. L. Estágio e docência. 6. ed. São Paulo: Cortez, 2011.

RIO GRANDE DO SUL. Secretaria da Educação. Referencial curricular do Rio Grande do Sul: Linguagens, códigos e suas tecnologias. Porto Alegre: [s.n], 2009. Lições do Rio Grande. Disponível em: http://www.educacao.rs.gov.br/dados/refer_curric_vol1.pdf. Acesso em: 12 abril 2016.

SANTANA, A. P. M. Língua e literatura: por uma metodologia integradora no ensino médio. Trabalho de Conclusão de Curso. Disponível em: http://www.cchla.ufpb.br/ccl/images/ANA_PAULA_M%C3%89LO_DE_SANTANA.pdf Acesso em: 12 abril 2016.

SANTORO, E. Da indissociabilidade entre o ensino de língua e de literatura: uma proposta integradora para o ensino do italiano como língua estrangeira em cursos de Letras. Tese de Doutorado, apresentado ao Programa de Pós Graduação em Linguística, da Universidade de São Paulo, 2007.

SUASSUNA, L.; MELO, I.; COELHO, W. Projeto didático: forma de articulação entre leitura, literatura, produção de texto e análise linguística. In: BUNZEN, Clécio & MENDONÇA, Márcia (Org). Português no ensino médio e formação do professor. São Paulo: Parábola, 2006. p. 227-244.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


_________________________________________________________________

PROFLETRAS - CFP - UFCG
Todos os direitos reservados®

Siga-nos nas redes sociais: