DO POLÍGONO DAS SECAS À VULNERABILIDADE AO COLAPSO HÍDRICO: UMA ANÁLISE DO TERRITÓRIO DO RIO GRANDE DO NORTE

Adriano Lima Troleis, Bruno Lopes da Silva

Resumo


O Polígono das Secas é um territorio que caracteriza a área de predomínio das condições de semiaridez na região Nordeste. No Rio Grande do Norte, o Polígono das Secas abrange mais de 90% dos municípios, os quais apresentam uma estrutura hídrica diversificada com potencialidades e fragilidades específicas. Partindo desse princípio, objetiva-se analisar o Polígono das Secas e a vulnerabilidade ao colapso hídrico no território do Rio Grande do Norte, de 2015 a 2017. Tal análise possibilitou a geração de quatro recortes territoriais específicos: 1) municípios que não fazem parte do Polígono das Secas e que apresentam média vulnerabilidade ao colapso hídrico; 2) municípios que fazem parte do Polígono das Secas e que apresentam média vulnerabilidade ao colapso hídrico; 3) municípios que não fazem parte do Polígono das Secas e que apresentam alta vulnerabilidade ao colapso hídrico; e 4) municípios que fazem parte do Polígono das Secas e que apresentam alta vulnerabilidade ao colapso hídrico.  Esses resultados evidenciaram que a discussão sobre Polígono das Secas e vulnerabilidade ao colapso hídrico, demanda diferentes análises territoriais, principalmente para o planejamento e gestão dos recursos hídricos no Rio Grande do Norte

Palavras-chave


Recursos hídricos; Territórios de aridez; Rio Grande do Norte.

Texto completo:

PDF

Referências


AGÊNCIA NACIONAL DE ÁGUAS (ANA). Conjuntura dos Recursos Hídricos: informe 2016. Agência Nacional de Águas. Brasília: ANA, 2016.

BASTOS, Carlos; DUARTE, Antônio; BENTES, Isabel, et al. Teoria da vulnerabilidade de redes hidráulicas de Abastecimento de água (TVRHAA). IX SILUSBA (Simpósio de Hidráulica e Recursos Hídricos dos Países de Língua Oficial Portuguesa). Benguela/Angola, Outubro de 2009.

CARVALHO, Otamar de. A seca e seus impactos. In.: A questão da água no Nordeste. Agência Nacional de Águas. Brasília, DF: Agência Nacional de Águas. Centro de Gestão e Estudos Estratégicos. BRASIL, 2012.

CUNHA, José Marcos Pinto da; JAKOB, Albero A.E.; HOGAN, Daniel Joseph; et al. A vulnerabilidade social no contexto metropolitano: o caso de Campinas. Trabalho apresentado no XIV Encontro Nacional de Estudos Populacionais (ABEP? realizado em Caxambú/MG – Brasil, de 20- 24 de Setembro de 2004.

DEPARTAMENTO DE NACIONAL DE OBRAS CONTRA AS SECAS (DNOCS). Fichas técnicas dos reservatórios: Rio Grande do Norte. Disponível em: Acesso em: 17 de Outubro de 2015.

GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE (GOVRN). Portal do governo do RN – Operação Vertente. Disponível em: < http://www.rn.gov.br >

Acesso em: 2 Dez. 2017.

INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E MEIO AMBIENTE DO RIO GRANDE DO NORTE (IDEMA). Perfil do seu município 2008. Natal: IDEMA, 2008.

INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E MEIO AMBIENTE DO RIO GRANDE DO NORTE (IDEMA). Anuário estatístico 2015. Natal: IDEMA, 2015.

MINISTÉRIO DA INTEGRAÇÃO NACIONAL (MIN). Relatório final: grupo de trabalho interministerial para redelimitação do semiárido nordestino e do Polígono das Secas. Grupo de trabalho interministerial: Brasília, 2005.

MONTENEGRO, Abelardo A. A.; MONTENEGRO, Suzana M. G. L. Olhares sobre as políticas públicas de recursos hídricos para o semiárido. In.: GHEYI, Hans Raj; PAZ, Vital Pedro da Silva; MEDEIROS, Salomão de Sousa; et al. (editores). Recursos hídricos em regiões semiáridas. Campina Grande, PB: Instituto Nacional do Semiárido, Cruz das Almas, BA: Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, 2012.

REBOUÇAS, Aldo da C. Água na região Nordeste: desperdício e escassez. Estudos avançados. Vol.11 Num. 29. São Paulo, Universidade de São Paulo, 1997.

SECRETARIA DE MEIO AMBIENTE E DOS RECURSOS HÍDRICOS DO RIO GRANDE DO NORTE (SEMARH). Situação volumétrica de Reservatórios do RN. Disponível em:

www.sistemas.searh.rn.gov.br/monitoramentovolumetrico> Acesso em: 21 Agosto de 2017.

SERVIÇO GEOLÓGICO BRASILEIRO (CPRM). Projeto cadastro de fontes de abastecimento por água subterrânea. Diagnóstico do município de Vera Cruz, estado do Rio Grande do Norte. Recife: CPRM/PRODEEM, 2005

SUPERINTENDÊNCIA DE DESENVOLVIMENTO DO NORDESTE (SUDENE). Delimitação do semiárido: Rio Grande do Norte, 2017. Disponível em: Acesso em: 31 Jan. 2018.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Adriano Lima Troleis, Bruno Lopes da Silva

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

___________________________
Revista GeoSertões

Unageo-CFP-UFCG - Cajazeiras - PB, Brasil

(ISSN 2525-5703)

Qualis-Capes B1 Geografia (preliminar)

 

Repositórios e Indexadores: