Proposta de Plano de Aula sobre Paleontologia Molecular para inserção em disciplina de Paleontologia de cursos de graduação em Ciências Biológicas

Everton Fernando Alves, Márcio Fraiberg Machado

Resumo


A Paleontologia Molecular não tem sido contemplada nas ementas da disciplina de Paleontologia de cursos de graduação em Ciências Biológicas. No entanto, se inserida no Plano de Ensino da disciplina, a Paleontologia Molecular poderia aproximar os futuros biólogos da Paleobiologia, um campo de pesquisa praticamente inexplorado no Brasil. Logo, considera-se que a Paleontologia Molecular é relevante para compor Planos de Aula que considerem campos de pesquisa emergentes a serem explorados pelos futuros biólogos. Assim, o objetivo deste trabalho foi elaborar um Plano de Aula com conteúdos introdutórios da Paleontologia Molecular e propô-lo como modelo a ser inserido na disciplina de Paleontologia de cursos de graduação em Ciências Biológicas. A proposta final do Plano de Aula trouxe uma síntese já prevista do conhecimento paleomolecular, que poderá agilizar a ação educativa e minimizar as dificuldades que surgem durante a pesquisa e a escolha do material por parte do docente. Ademais, o instrumento é aplicável em apenas duas horas-aula. Acredita-se que, da forma como o produto educacional foi pensado, poderá enriquecer as práticas pedagógicas docentes, ampliando a bagagem de conteúdos e instrumentais didático-pedagógicos do professor e promovendo a formação de uma nova geração de profissionais mais capacitados para lidar com questões científicas emergentes.

Palavras chave: Ensino de Paleontologia, biomateriais não mineralizados, biomoléculas endógenas, instrumentos didático-pedagógicos.


Texto completo:

PDF

Referências


Abelson P.H. (1956) Paleobiochemistry. Scientific American, 195(1): 83–92.

Alves E.F. (2020) 15 anos da Paleontologia molecular: breve histórico dos achados de tecidos moles não mineralizados em dinossauros não avianos. Revista de História da Ciência, 9: 241–244. https://doi.org/10.11606/khronos.v0i9.172317

Alves E.F. & Ma¬chado M.F. (2020) Perspectivas atuais sobre tecidos moles não mineralizados em fósseis de dinossauros não avianos. Terræ Didatica, 16: e020028. https://doi.org/10.20396/td.v16i0.8659539

Alves E.F., Beier E.V., Vidotti A.P. & Miranda Neto M.H. (2019) Autopercepção de mediadores no Museu Dinâmico Interdisciplinar acerca do nível de conhecimento em Paleontologia para a educação não formal. Anais. Jaguariaíva: XXI Paleo PR-SC.

Araújo L.A.L. (2020) Concepções equivocadas sobre evolução biológica: um estudo comparativo entre graduandos em ciências biológicas e Pós-graduandos. Investigações em Ensino de Ciências, 25(2): 332–346. https//doi.org/10.22600/1518-8795.ienci2020v25n2p332

Ault C.R. (1984) The everyday perspective and exceedingly unobvious meaning. Journal of Geological Education, 32(2): 89–91. https://doi.org/10.5408/0022-1368-32.2.89

Bailleul A.M., O'Connor J., Zhang S., Li Z., Wang Q., Lamanna M.C., Zhu X. & Zhou Z. (2019) An Early Cretaceous enantiornithine (Aves) preserving an unlaid egg and probable medullary bone. Nature communications, 10(1): 1275. https://doi.org/10.1038/s41467-019-09259-x

Bailleul A.M., Zheng W., Horner J.R., Hall B.K., Holliday C.M., & Schweitzer M.H. (2020) Evidence of proteins, chromosomes and chemical markers of DNA in exceptionally preserved dino­saur cartilage. National Science Review, 7(4): 815–822. https://doi.org/10.1093/nsr/nwz206

Campos C.R.P. (2015) Aula de Campo para Alfabetização científica: práticas pedagógicas escolares. Volume 6. Vitória: Editora Ifes. 284 p.

Carrijo R. & Candeiro C.R. (2010) O Ensino de Geologia, Paleontologia e Química no Centro Universitário do Planalto de Araxá (Uniaraxá). A importância da Geociências. Revista de Biologia e Ciências da Terra, 10(1): 62–66.

Compagnon J.M., Maciel E.S., Cidade M.P., Melo R.M., Costa E.R. & Feltran R.B. (2016) A Paleontologia no processo de Ensino Aprendizagem dos alunos do 7º Ano da sede do município de Boa Vista, Roraima. In: XI Semana Nacional de Ciência e Tecnologia no Estado de Roraima. Anais. Roraima: SNCT-RR.

Cotts L. & Prestes S.B.S. (2013) O ensino de paleontologia na educação básica: uma abordagem lúdica. Boletim informativo da SBP, 29(67): 16.

Degusta D. (2002) Molecular Archeology and Paleontology (Methods in Molecular Biology). Totowa: Humana Press. 400 p.

DeSalle R. & Egan M.G. (2006) Paleontology, molecular (p. 53–70). In: Meyers RA. (Ed.). Encyclopedia of Molecular Cell Biology and Molecular Medicine. 2° Edition. Weinheim: Wiley-VCH. https://doi.org/10.1002/3527600906.mcb.200400057

Duarte S.G., Martins C.M.M.R., Bandeira L.G., Carramillo L.C., Gervásio C.M. & Wanderley M.D. (2018) Experiência interdisciplinar na educação básica e na formação de professores: Artes, Biologia e Geociências. Terræ Didatica, 14(3): 245–255. https://doi.org/10.20396/td.v14i3.8652424

Duarte S.G., Santos N.M., Bandeira L.G., Martins C.M.M.R., Pereira M.G. & Caetano L.C. (2019) Conhecimento prévio de Paleontologia e Geologia de ingressantes em cursos de Ciências Biológicas e Geologia de universidades do Rio de Janeiro. Terræ Didatica, 15: e19032. https://doi.org/10.20396/td.v15i0.8654529

Gil A.C. (2012) Metodologia do ensino superior. 4° edição. São Paulo: Atlas. 128 p.

Gobbo S.R. & Bertini R. (2015) Tecidos moles (não resistentes): como se fossilizam? Terræ Didatica, 10(1): 2–13. https://doi.org/10.20396/td.v10i1.8637374

Godov P.L., Ferreira G.S., Dassie E.C.G., Corrêa e Castro A.C.M. & Hsiou A.S. (2017) Formação continuada no ensino de Paleontologia, pelo exemplo do projeto “Oficina de Paleontologia: os fósseis dentro da sala de aula”. Revista de Cultura e Extensão USP, 17: 11–19. https://doi.org/10.11606/issn.2316-9060.v17isupl.p11-19

Góes F.S.N., Andrade A.S., Corrêa A.K., Mello e Souza M.C.B., Clapis M.J., Gonçalves M.F.C., Silva M.A.I. & Camargo R.A.A. (2015) Plano de aula: apoio e fundamentos para prática docente. Ribeirão Preto: Escola Enfermagem Ribeirão Preto/USP. 90 p.

Gomes W.A., Machado M.F., Bélo P. & Alves E.F. (2020a) Paleontologia molecular do Cenozoico: reivindicações de tecidos moles não mineralizados em mamíferos encontrados em depósitos sedimentares pouco favoráveis à preservação. Paleo RJ/ES Virtual, Vitória, Espírito Santo.

Gomes W.A., Machado M.F., Bélo P. & Alves E.F. (2020b) Biomoléculas em fósseis de mamíferos cenozoicos: reivindicações de tecidos moles não mineralizados em fósseis recuperados de diferentes contextos tafonômicos. Paleo RJ/ES Virtual, Vitória, Espírito Santo.

Gupta N.S. (2014) Biopolymers - A molecular paleontology approach (Topics in Geobiology). Volume 38. Dordrecht: Springer. 199 p.

Hilá C.V.D. (2008) O gênero artigo de opinião: diagnóstico e intervenção na formação inicial de professores de português. Trabalhos em Linguística Aplicada, 47(1): 183–201. http://dx.doi.org/10.1590/S0103-18132008000100011

Kellner A. (2015) Apresentação: para onde caminha a paleontologia brasileira? Ciência e Cultura, 67(4): 20–24. http://dx.doi.org/10.21800/2317-66602015000400009

Kortz K.M. & Murray D.P. (2009) Barriers to College Students Learning How Rocks Form. Journal of Geoscience Education, 57(4): 300–315. https://doi.org/10.5408/1.3544282

Libâneo J.C. (1993) Organização e gestão escolar: teoria e prática. Goiânia: Alternativa. 270 p.

Lima R.M., Silva M.S.L., Almeida J.M., Véras M.A.S. & Cavalcanti M.L.F. (2015) Contribuições da disciplina de paleontologia e evolução para a formação dos licenciados em ciências biológicas do CCA-UFPB (p. 22259–22268). In: Anais do XII Congresso Nacional de Educação. Volume 12. Curitiba: CONEDU.

Martindale R.C. & Weiss A.M. (2020) “Taphonomy: Dead and Fossilized”: A new board game designed to teach college undergraduate students about the process of fossilization. The Journal of Geoscience Education, 68(3): 265–285. https://doi.org/10.1080/10899995.2019.1693217

Mendonça A.P. (2015) Alinhamento Construtivo: Fundamentos e Aplicações (p. 109–130). In: Gonzaga A.M. (Ed.). Formação de Professores no Ensino Tecnológico: Fundamentos e Desafios. Curitiba: CRV. 300 p.

Oliva E. (2018) Ensino da Paleontologia em espaços não formais. Dissertação (Programa de Pós-Graduação em Paleontologia). Faculdade de Ciências e Tecnologia, Universidade de Évora/ Universidade Nova de Lisboa, Évora, Portugal.

Schweitzer M.H. (2003) Reviews and Previews: The Future of Molecular Biology. Palaeontologia Electronica, 5(2): 1–11.

Schweitzer M.H. (2004) Molecular paleontology: some current advances and problems. Annales de Paléontologie, 90(2): 81–102. https://doi.org/10.1016/j.annpal.2004.02.001

Schweitzer M.H. (2011) Soft Tissue Preservation in Terrestrial Mesozoic Vertebrates. Annual Review of Earth and Planetary Sciences, 39: 187–216. https://doi.org/10.1146/annurev-earth-040610-133502

Schweitzer M.H., Schroeter E.R. & Czajka C.D. (2020) Dinosaurs: How We Know What We Know. Boca Raton: CRC Press. 562 p.

Silva D.C., Reis R.A., Silva L.E. & Domiciano T.D. (2019) Paleontologia e ensino de ciências: uma análise dos documentos oficiais e materiais presentes nos anos finais do ensino fundamental. ACTIO: Docência em Ciências, 4(1): 111–126. https://doi.org/10.3895/actio.v4n1.8001

Sousa R.C., Silva I.R., Santos S.F., Figueiredo A.E.Q. & Fortier D.C. (2016) O ensino de Paleontologia nas escolas públicas estaduais de Floriano-PI na concepção dos docentes. In: III Congresso Nacional de Educação no Estado do Rio Grande do Norte. Natal, Rio Grande do Norte.

Teixeira P.P. (2016) Ensino de evolução e religiosidade: o caso de duas escolas estaduais do Rio de Janeiro. Tese (Programa de Pós-Graduação em Educação). Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro.

Thomas B. & Taylor S. (2019) Proteomes of the past: the pursuit of proteins in Paleontology. Ex-pert Review of Proteomics, 16(11-12): 881–895. https://doi.org/10.1080/14789450.2019.1700114

Unicesumar (2017a) PPC – Projeto Pedagógico do Curso de Bacharelado em Ciências Biológicas. Ponta Grossa: Faculdade Cesumar de Ponta Grossa – IES 17420. 171 p.

Unicesumar (2017b) PPC – Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em Ciências Biológicas. Ponta Grossa: Faculdade Cesumar de Londrina – IES 17632. 159 p.

van der Reest A.J. & Currie P.J. (2020) Preservation frequency of tissue-like structures in vertebrate remains from the upper Campanian of Alberta: Dinosaur Park Formation. Cretaceous Research, 109: 104370. https://doi.org/10.1016/j.cretres.2019.104370

Whitear M. (1956) XCVII.—On the colour of an ichthyosaur. Annals and Magazine of Natural History, 9(106): 742–744. https://doi.org/10.1080/00222935608655889

Worheide G., Dohrmann M. & Yang Q. (2016) Molecular paleobiology – Progress and perspectives. Palaeoworld, 25(2): 138–148. https://doi.org/10.1016/j.palwor.2015.01.005

Zucon M.H., Vieira F.S., Prazeres M.F.F. & Dantas M.A.T. (2010) O ensino de Paleontologia e a percepção dos alunos do curso de Biologia da Universidade Federal de Sergipe. In: Anais do IV Colóquio Intern. Educ. e Contemporaneidade. Aracaju: EdUFS.




DOI: http://dx.doi.org/10.29215/pecen.v5i0.1695

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 Autor e Revista mantêm os direitos da publicação

____________________________________________
Pesquisa e Ensino em Ciências Exatas e da Natureza
Unidade Acadêmica de Ciências Exatas e da Natureza - CFP - UFCG
Cajazeiras - PB, Brasil
(ISSN 2526-8236)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

INDEX COPERNICUS INTERNACIONAL

 

ICI WORLD OF JOURNALS